BIOIMPRESSÃO DE PELE Uma pele nova para substituir a sua!

Bioimpressao de pele

Impressoras de alta tecnologia hoje já são capazes de “imprimir/esculpir” brinquedos, órgãos e próteses para o corpo humano e até mesmo armas!

Bioimpressoras 3D já demonstraram ser possível “imprimir” uma pele nova para repor tecidos danificados, impactando profundamente a ciência dermatocosmética.

Estudos desta engenharia de tecidos foram apresentados em junho, no Centro Europeu de Dermatocosmetologia, em Lyon, na França,  e demonstraram que os pesquisadores já dispõem de modelos cutâneos funcionais micro vascularizados, sendo o próximo desafio a integração da rede linfática na nova pele.

As bioimpressoras 3D utilizam uma biotinta patenteada e já realizam a impressão de 1 cm2 de pele verdadeira, em menos de 2 minutos, com foco em sustentar, reparar ou substituir a pele danificada e/ou enrugada, inclusive com estruturação perfeita da junção dermo epidérmica (JDE), essencial para a firmeza da pele.

Embora a epiderme esteja se apresentando como a “etapa” mais difícil na realização desta nova tecnologia, esta conquista certamente esta cada vez mais próxima para abrir um caminho que irá revolucionar a ciência cosmética, desenvolvendo a pele substituta, possível garantia da eterna juventude.

Autor: Maria Rita Resende

Graduada em física e química e pós-graduada em gestão da cosmetologia. Esteticista, cosmetóloga, fisioterapeuta, consultora e palestrante com artigos publicados no Brasil e no exterior. Pioneira no ensino da estética no Brasil e profissional de reconhecida experiência.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: