1.o CONCURSO INTERNACIONAL DE BELEZA JULGADO POR ROBÔS

1 concurso de beleza beauty

Todas as pessoas de todos os lugares do mundo podem participar deste concurso. Bastará enviar uma selfie que será julgada por um juri composto por robôs, que baseados em diversos parâmetros como rugas, simetria facial, cor da pele, sexo, faixa etária e etnia irá eleger a rainha e o rei da beleza.

O objetivo deste aplicativo, projeto de parcerias poderosas, como da NVIDIA e Microsoft dentre outros, é explorar as percepções da saúde visível, com base na aparência, criando um poderoso banco de dados por biogerontologistas, cientistas e pesquisadores, que permitirá que médicos possam diagnosticar e avaliar a saúde de uma pessoa apenas analisando a sua selfie.

Neste concurso, somos todos vencedores, pois a “compreensão” dos nossos rostos pelos robôs, irá subsidiar enormemente o conhecimento humano, levando ao melhor entendimento sobre a nossa biologia, possibilitando prevenção e antecipação de diagnósticos, prolongando a nossa juventude.

 

Participe baixando o aplicativo para Android ou iOS   (beauty.ai) e tire uma selfie, sem maquiagem, sem óculos. Não se pode estar de barba ou boné, nem utilizar nada que atrapalhe a boa visualização do rosto.

Envie a selfie e terá o veredito do robô.

IMPORTANTE:

Você poderá se inscrever até 19 de Julho, e os vencedores serão anunciados no dia 02 de Agosto de 2016.

 

SOL, AMIGO OU INIMIGO?

 

12993440_156631161400764_3659358241030785304_n

Utilizar foto protetores evita câncer de pele, mas também inibe a produção de vitamina D. Testes demonstraram que o FPS 15 pode reduzir em 30% a síntese desta vitamina, e o FPS 30, em 90%.

Em 2013, durante o 17.o AAD (American Association of Dermatology), foi realizado o forum Controversies in Vitamin D, para discutir sobre os benefícios, riscos e recomendações para manter a dosagem de vitamina D em nosso corpo.

A Radiação UVB, emitida pelo sol, transforma a 7-Dehidrocolesterol, presente na pele, em pré Vitamina D3. Posteriormente, uma série de reações metabólicas passam a ocorrer no fígado, e nos rins, finalizando a produção da Vitamina D, cuja meia vida é de aproximadamente 2 semanas.

Porém temos a compensação no dia-a-dia.

Estudo publicado por De Paula Correia et al, avaliando o nível de radiação na cidade de São Paulo, durante 3 anos, demonstrou que a exposição diária, não intensional, de apenas 25% do nosso corpo ao meio ambiente (face, antebraços e mãos), é suficiente para a produção adequada de vitamina D.

HIDROQUINONA FREE: TENDÊNCIA DOS CLAREADORES DE MANCHAS

Preferida pelos médicos tradicionais, na Europa tem concentração máxima limitada a 1% e na França é proibida. Esta proibição também já existe em  5 estados americanos (Massachusetts, Montana, New Hampshire, New York e Texas).  Os efeitos colaterais mais frequentes causados pelo uso da Hidroquinona são: eritema, erupção, foto sensibilidade à luz (que pode levar ao escurecimento inicial da mancha).  A despigmentação em confete (surgimento de pontos brancos irreversíveis) é mais frequente em peles morenas ou negras, de grande incidência em nosso país tropical. Além disso é bem conhecida a ação citotóxica da Hidroquinona, devido ao bloqueio da síntese de ADN e ARN celular.

Hidroquinona free ilustr

Segundo relatório da Kline & Company (empresa mundial de consultoria e pesquisa na área de Skin Care), os clareadores já representam 25% dos cosméticos consumidos in home, já estando à frente dos produtos anti idade e anti acne, e  os produtos Hidroquinona free são destaques desde 2.014.

 

CLAREADORES ATUAIS

Os cosméticos despigmentantes atuais, associam em suas formulações ativos dermocompatíveis que agem de forma específica em diferentes etapas da formação da mancha, através do mecanismo de inibição química da cascata de reações que resulta na formação da melanina, pigmento responsável pelas manchas escuras.

 

Associados a estas substâncias são utilizados especialmente os ácidos Glicólico, Retinóico e Kójico, que esfoliam a pele aumentando a permeabilidade dos despigmentantes e promovem a diferenciação celular acelerando a remoção da mancha já formada.

 

São utilizados também anti oxidantes como a Vitamina C, que agem de forma decisiva contra os AGEs (produtos de glicação avançada), combatendo o stress oxidativo e reduzindo a pigmentação. É importante também a utilização da Vitamina B3 (Niacinamida), que aumenta e eficácia do clareador; inibindo a transferência dos pigmentos dos melanócitos para os queratinócitos, suas células vizinhas, na epiderme